Você é abusivo no seu relacionamento?

relacionamento-abusivo

Os relacionamentos abusivos estão cada vez mais comuns. Nesses relacionamentos, geralmente existe algum integrante que é muito abusivo, transformando a relação em algo completamente disfuncional.

Você já se perguntou se você tem sido abusivo com a sua parceira? Isso é, pedindo que ela faça mais do que deveria fazer nesse relacionamento?

Para auxiliar nessa reflexão, separamos algumas características das pessoas abusivas, para você perceber (ou descobrir) se está vivendo uma delas.

Ela não pode sair, mas você pode.

As pessoas abusivas geralmente são muito ciumentas e controladoras, logo, elas sentem muita dificuldade em deixar com que a parceira saia com amigas ou se divirta. São pessoas que geralmente retiram a liberdade das suas parceiras.

Por outro lado, são pessoas que desejam sair sozinhas e querem a liberdade no relacionamento. Portanto, as pessoas abusivas são aquelas que não dão liberdade, mas querem ter liberdade na relação.

Você critica mais do que elogia.

O homem abusivo é aquele que tenta diminuir a parceira, para que ela pense que não pode ter um relacionamento melhor. A maneira de fazer isso é criticando constantemente a parceira, para que ela se sinta mal e menosprezada.

Você tem elogiado a sua parceira ultimamente? Ou você está apenas criticando ela? As criticas no relacionamento são muito importantes para percebermos se estamos sendo abusivos na relação.

casal-brigando

Ela é sempre culpada por tudo.

Outra maneira de tentar controlar a parceira é tentando culpar ela por tudo de ruim que acontece na relação, fazendo assim com que ela tente “melhorar”, quando na verdade ela não precisa disso. Trata-se de uma forma de tentar manipular a parceira.

Portanto, se você sempre culpa ela e tenta a manipular, para ela fazer tudo o que você deseja, pode ser que isso signifique que você está sendo abusivo.

Ela precisa fazer tudo por você, mas você não faz nada por ela.

Outra forma de ser uma pessoa abusiva no relacionamento é cobrar muita responsabilidade por parte da parceira, mas nunca contribuir.

Ou seja, em alguns casos, nós acabamos cobrando que a parceira nos trate de uma forma que não condiz com a relação. Pedimos que as namoradas façam coisas que somente as esposas deveriam fazer, cuidando de aspectos que elas não precisariam cuidar.

Por isso é importante delimitar o seu relacionamento, sabendo que namorar é diferente de casar e, claro, que é preciso dividir as responsabilidades para que todos fiquem satisfeitos na relação.

briga-casal

Tem como mudar isso?

Se você percebeu que faz alguns dos comportamentos acima com frequência, então significa que você realmente está sendo abusivo na relação.

O interessante é que isso pode ser mudado e melhorado. Somente o fato de você perceber que está sendo abusivo já pode contribuir para que a melhora se inicie. O importante é perceber esses comportamentos abusivos e tentar modificá-los.

Conversar com a parceira, demonstrar a sua reflexão e pedir a ajuda dela, para que ambos saiam satisfeitos no relacionamento, também pode contribuir, e muito, para a melhora da relação.

É importante lembrar que a sua parceira também pode ser abusiva no relacionamento. Se você percebeu que ela está nessa situação, talvez seja a hora de conversar com ela, para demonstrar que você sabe o que está ocorrendo no relacionamento.

A melhora da qualidade do relacionamento depende apenas dos integrantes do mesmo.


Leonardo Luchetta545 Posts

É psicólogo e redator de conteúdos. Escreve, reflete e pesquisa sobre os mais variados temas. Não considera a escrita como trabalho, mas uma necessidade da alma.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register