A arte de sempre se enganar

A arte de sempre se enganar

Algumas pessoas parecem que são mais propensas a repetirem os mesmo erros ou que tendem a não desistirem de certas coisas que aparentemente não irão dar certo. Alguns podem dizer que estas pessoas são persistentes, porém há uma diferença entre ser persistente e estar se enganando. Estamos falando então da “arte do autoengano”. Este é um processo mental que faz com que a pessoa comece a ter como verdade coisas que outrora já tomou como mentira, incluindo um novo elemento para que “transforme” em verdade. Este novo elemento no entanto não é eficaz, servindo apenas para mudar sua opinião sobre um fato.

Vamos ter como exemplo um relacionamento. Digamos que é um relacionamento complicado onde ocorrem traições, disputa de poder e muitas crises. Os integrantes sempre tendem a terminar o relacionamento e voltar novamente. Podemos pensar que um dos integrantes sabe que o relacionamento nunca irá funcionar, porém com o tempo bate a saudade e o desejo de voltar. O desejo é momentâneo e a pessoa sabe disto, mas então entra o autoengano e a pessoa inclui o elemento de que “agora são pessoas mudadas” e que o relacionamento irá funcionar. Veja bem, o fato da pessoa crer que nesse tempo em que ficaram separados eles “amadureceram” fez com que ela começasse a acreditar também que agora irá dar certo o relacionamento, o oposto do que realmente acredita, que é “o relacionamento nunca irá dar certo.” Este novo elemento fez a pessoa acreditar que pode funcionar, acontecendo então o autoengano, que no futuro, quando os problemas voltarem a acontecer, a crença de que este relacionamento não irá dar certo pode voltar e o relacionamento acabar novamente.

Este exemplo serve para facilitar nosso entendimento de como ocorre o autoengano (e não para afirmar que os relacionamentos não podem voltar a funcionar ao tempo, tendo em vista que não é nosso foco no momento), que fazemos com muita frequência. Apesar do exemplo ser sobre relacionamentos, o autoengano está presente em todas os aspectos de nossas vidas e pode servir para entendermos algumas decisões que tomamos em determinado momento e que nos arrependemos no futuro. Algumas questões são significativas referentes ao autoengano e algumas delas são típicas, como o pensamento de “como eu fui capaz de acreditar nisto?”. Pois bem, a resposta pode estar no que você estava acreditando no momento da decisão.

Muitas decisões que tomamos podem ser influenciadas por elementos, digamos, enganosos que pensamos, servindo para que possamos passar a acreditar em algo que não existe a possibilidade de funcionar. Isto não quer dizer que não devamos tentar coisas novas em nossas vidas, mas sim, que devemos repensar quando estamos sempre cometendo os mesmos erros, ou pelo menos, erros semelhantes referentes a um mesmo assunto.

As vezes desejamos tanto que algo dê certo que acreditamos que só o fato de termos esse desejo poderá fazer com que realmente funcione. Aí também está o autoengano. As formas de cair no autoengano vão de acordo com o que cada pessoa acredita. O interessante, no entanto, é tentarmos perceber quais os pensamentos estão nos levando à este autoengano. Identificar estes pensamentos pode fazer com que consigamos pensar de forma mais racional sobre as questões e, principalmente, sobre as decisões futuras a serem tomadas. Fazendo com que a probabilidade de cometer erro, ou pelo menos os mesmo erros, diminua significativamente.

Entender os próprios pensamentos e sentimentos faz com que deixemos de nos enganar. Pensar que o que desejamos nem sempre é o que podemos ter pode fazer com que vejamos nossa realidade de uma forma mais racional, abrindo oportunidades para novos projetos que até então não conseguíamos perceber por estamos sempre repetindo os erros passados.

Pense nisso.


Leonardo Luchetta526 Posts

É psicólogo e redator de conteúdos. Escreve, reflete e pesquisa sobre os mais variados temas. Não considera a escrita como trabalho, mas uma necessidade da alma.

1 Comentário

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register