Triumph Street Scrambler, ela encara qualquer parada!

eliana-triumph-scrambler-1

O modelo scrambler, o que significa?

Tudo começou nos anos 50 para batizar as motos adaptadas para corridas na terra. As adaptações contavam com pneu para terra, escapamento alto e guidão largo. O nome veio da expressão “to scramble”, que é quando se sobe uma colina rapidamente usando os pés e as mãos.

Com isso, nos anos 60, os fabricantes passaram a usar o termo para suas motos já adaptadas de fábrica. E adivinha qual foi um dos modelos mais famosos? Acertou se respondeu ” Triumph Scrambler”.

Motor

Esse motor gera 54 cv a 5.900 rpm e tem torque de 8,15 kgf.m a 3.230 rpm. O motor tem muito torque em baixa rotação, daquelas motos que quando farol abre, você sai na frente de todos. Em média e alta, o motor tem entrega elástica. A Street Scrambler é equipada com um motor de 900 cc, SOHC – Single Overhead Camshaft, (comando simples de válvulas no cabeçote). Motor arrefecido à líquido, com 8 válvulas. Sobre a vibração? Boas notícias, a vibração é quase zero!

eliana-triumph-scrambler-4

Painel e Rodas

O painel conta com velocímetro analógico, conta giros digital, hodômetro com dois marcadores parciais e um total, indicador de marcha, , autonomia de combustível, consumo médio e instantâneo, e também configurações como controle de tração e controle do ABS.

As rodas são raiadas, com 19° na dianteira e 17° na traseira, calçada com pneus Metzeler Tourance EXP ( pneu bastante usado no universo das motos bigtrail). Afinal a scrambler é para colocar na terra também, mas não indico para estradas nível “hard”.

Suspensões e Freios

As suspensões da Street Scrambler trabalham muito bem e depois de acelerar muitos dias, inclusive em estradas de terra, não tenho o que me queixar. A suspensão dianteira conta com garfos da Kayaba, com curso de 120 mm e a traseira tem um sistema de amortecedores duplos, com o mesmo curso 120 mm, e com ajuste de pré-carga da mola.

Os freios; na frente é um disco de 310 mm e na traseira um disco de 255 mm, com ABS que pode ser desligado. A lanterna traseira é em LED e sob o banco do piloto existe uma tomada USB para carregar dispositivos eletrônicos

eliana-triumph-scrambler-2

Escapamentos e Estilo

O som que sai dos dois escapamentos é maravilho, e com o tempo a manta vai se soltando, e com isso o som fica mais aberto e ainda melhor.

Estilo ela tem de sobra; e o que chama mais atenção, sem dúvidas é o escapamento alto e duplo. E sim, se pegar transito você vai sentir um pouco do calor dele na perna, mas nada que incomode.

O que me chama muito atenção, no modelo, que os dois lados da moto são diferentes ao ponto de parecerem motos distintas; um lado, o escapamento duplo, passando uma aparência de moto mais robusta e até mais alta do que ela é. Do outro, um lado mais pelado, deixando mais evidente seu design clássico. Ficava na dúvida de qual lado dela eu posicionava para as fotos, os dois lados me agradam muito.

eliana-triumph-scrambler-3

Conforto

O banco é bastante confortável, as suspensões como já disse trabalham muito bem, o guidão largo faz com que o peito fique aberto e cotovelos um pouco flexionados, um conjunto que me agradou bastante. Não fiz viagens longas, talvez o vento no peito por muito tempo, possa incomodar. Mas isso é bastante relativo, tem quem não gosta de acessórios, como exemplo; o para brisa . Falando em acessórios, a Scrambler pode ser incrementada, são mais de 150 deles.

eliana-triumph-scrambler-5

Autonomia – 21 km/litro
Capacidade do tanque de combustível – 12 litros
Preço – R$ 42,990.oo

Ficha Técnica

MOTOR E TRANSMISSÃO

Tipo

SOHC, arrefecimento líquido, 8 válvulas

Cilindrada

900 cc

Diâmetro X Curso

84,6 / 80 mm

Compressão

10,55:1

Potência Máxima

54,3 cv a 5.900 rpm

Torque Máxima

8,15 Kgf.m a 3.230 rpm

Alimentação

Injeção eletrônica

Transmissão final

Corrente

Caixa de câmbio

5 velocidades

CHASSI

Quadro

Berço de aço tubular

Braço oscilante

Duplo, de aço tubular

Roda dianteira

32 raios – aros de aço, 19 x 2,5 pol

Roda traseira

32 raios – aros de aço, 17 x 4,25 pol

Pneu dianteiro

100/90 R19

Pneu traseiro

150/70 R17

Suspensão dianteira

Garfos telescópicos Kayaba com 120 mm de curso

Suspensão traseira

Duplo amortecedor Kayaba com 120 mm de curso e ajuste da pré-carga de mola

Freio dianteiro

Disco único de 310 mm, pinça flutuante de 2 pistões Nissin, ABS

Freio traseiro

Disco único de 255 mm, pinça flutuante de 2 pistões Nissin, ABS

Painel de instrumentos e funções

Velocímetro analógico, hodômetro, indicador de marcha, nível de combustível, indicador de manutenção, relógio, 2 hodômetros parciais, consumo médio e atual de combustível, controle de tração, sistema de monitoramento da pressão dos pneus (TPMS)

DIMENSÕES E PESO

Largura

831 mm

Altura sem espelho

1120 mm

Altura do Assento

790 mm

Distância entre eixos

1446 mm

Inclinação

25.6º

Trail

109 mm

Peso seco

206 kg

 


Eliana Malizia

Eliana Malizia9 Posts

Piloto de Teste de Motos e Carros, Repórter de Turismo, esporte e aventura. Acompanhe as aventuras dela aqui no TPH!

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register