Você sente que não pertence a esse planeta?

um-estranho

Lá no âmago do seu ser divino, você sente que não pertence a esse planeta (Terra)?

Não ache que você está maluco (a), isso é bem comum e existe uma parcela da população que sente a mesma coisa! Eu mesmo, que escrevo esse texto, tenho esse sentimento.

É aquele sentimento estranho de ver as pessoas reagindo como manada por aí… Os valores decaindo, as instituições (inclusive a família) falindo, as perdas de tempo (e emoções?) nesse plano, etc.

Pra começar, você já parou pra pensar como você veio parar aqui?

planeta-terra

Se você buscar alguns conteúdos sobre o assunto, vai descobrir que a Terra foi programada pra receber seres que foram “exilados” de um outro planeta que estava em um processo de evolução bem maior.

Existe até um livro bem conceituado que traz um pouco mais sobre essa teoria, que chama “Os Exilados da Capela” de autoria de Edgard Armond.

exilados-da-capela

Desde essa chegada de seres no planeta terra, sempre houve uma evolução (tanto do planeta quanto dos seres que aqui habitam). Já houveram diversas transições de civilização… Atlantes, Lemurianos, etc.

Normalmente o processo é de reinício de civilização (desencarnando todos e chegando novos seres). No entanto, para a nossa atual civilização planetária, talvez não exista essa reciclagem, principalmente porque estamos em uma transição de planos e dimensões.

No entanto, como estamos nesse processo de transição, o planeta acaba recebendo novos seres – jovens (espiritualmente falando) – que têm como preocupação conhecer e explorar esse plano tridimensional. Parece bobeira, mas para muitos seres intergalácticos (de outras galáxias ou planetas), viver em um plano tridimensional, com sensações físicas, é uma novidade!

Esses seres jovens, advindos de planetas menos evoluídos ainda, surgem como crianças mesmo. Ainda não sabem o que estão fazendo aqui… Têm dúvidas sobre suas escolhas pra esse plano, não sabem se gostam de suas escolhas sexuais, quais são seus objetivos de vida, etc. Estão vivendo intensamente essa vida na terra, de forma mágica e explorativa.

Para esses seres, que podem ser até a grande maioria no planeta atual, está tudo lindo! Na verdade a grande luta é para que todos aceitem as diversidades sexuais, o poliamor, as libertinagens e afins. Mas é compreensível, logo que eles estão querendo se divertir e explorar esse novo plano!

jovens-festa

No entanto, existem seres que já são “macacos velhos” por aqui. Que, justamente, são os que sentem que já não pertencem mais a esse planeta.

Você já se perguntou, mentalmente (lógico), quantos anos você REALMENTE tem? Quantas reencarnações já teve nesse planeta terra? Quanto já evoluiu e viveu por aqui?

Se você se sente como um idoso nesse planeta, querendo RALMENTE partir “dessa para uma melhor”, talvez você seja assim como eu, uma alma que já não pertence a esse plano.

homem-tranquilo

E o que fazer então?

Saiba que você não está aqui por coincidência e muito menos por punição. O caminho é a EVOLUÇÃO.

Busque ser uma pessoa REALMENTE BOA. Se espelhe em exemplos que já passaram por aqui, como Jesus Cristo, Buda, São Francisco, Mahatma Gandhi, Madre Teresa de Calcutá e afins.

São seres como esses que tem o direito, por justiça universal, de buscar um plano melhor.

Se você ainda está aqui, é porque tem que cumprir o objetivo evolutivo nesse planeta. E a única forma de sair desse plano é, realmente, vencê-lo. Vencer o egoísmo, o materialismo e todos os ISMOS que existem nesse planeta.

O dia que você ser uma luz no meio da escuridão, um lírio no meio do lodo, certamente você poderá subir aos céus, assim como Jesus Cristo, e buscar um outro planeta para viver. Talvez, por bondade, quando você achar que quer ir para outro planeta (e puder fazer isso!), antes você dê uma passada pela Terra, por uma última encarnação, pra ajudar outras pessoas a encontrarem esse caminho.

Boa sorte! E vamos que vamos, que o trabalho agora é interno!

Abraços. PAZ!


Tudo Para Homens764 Posts

Um portal sobre tudo que o homem gosta e mais um pouco: Automobilismo, Comportamento, Relacionamento, Entretenimento, Estilo, Gastronomia, Bebida, Mulheres, Tecnologia e muito mais.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register