‘Tiquira’, aguardente ancestral dos índios brasileiros

tiquira-bebida-indios

Existe um aguardente ancestral dos índios brasileiros que é muito comum no maranhão e pouca gente conhece. Trata-se da Tiquira, uma bebida destilada da mandioca.

A história da Tiquira

Os índios brasileiros sempre produziram o Cauím, fermentado alcoólico ancestral preparado a partir da fermentação da macaxeira (ou mandioca ou aipim). É uma bebida muito consumida pelos índios em cerimônias e ocasiões especiais.

Com a destilação do Cauím chegou-se a Ti-kyra, palavra tupi que significa “líquido que goteja”.

tiquira-indios

A produção de Tiquira hoje está concentrada no Maranhão e ocorre de forma artesanal. É muito comum encontrar no mercado informal, sem muita regularidade, principalmente na questão de graduação alcoólica. Sendo assim, comprando no mercado uma Tiquira de produção artesanal, você dificilmente saberá se a bebida em questão tem 36 graus, 54 graus ou até mais!

São pouquíssimas marcas que conseguiram a regulamentação do Ministério da Agricultura para produzir e comercializar a Tiquira, dentre elas estão a Timbotiba e a Guaaja.

Tiquira Guaaja

A bebida normalmente é encontrada na cor roxa ou meio azulada, isso é devido a fermentação da bebida com folhas de tangerina. Mas existem versões incolores.

O sabor da Tiquira é bem agradável. Eu senti como se fosse um líquido de tapioca extremamente alcóolico.

Já tomei drinks feitos com Tiquira também, ficaram sensacionais!

Vale a pena provar! E se for para o Maranhão, traga várias garrafas para casa.


Guilherme Cury1765 Posts

30 anos, blogueiro, publicitário e músico. Formado em Propaganda & MKT, é blogueiro há mais de 10 anos. Atualmente trabalha com conteúdo para internet e se aventura no mundo musical.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register