Destinos incríveis para pedalar pela Europa

passeio-bike-europa

De brinquedo na infância a meio de transporte oficial, em alguns países do velho continente, a bicicleta propõe inúmeras possibilidades de passeios e experiências de lazeres combinada com o bom e velho turismo que conhecemos.

Confira sete destinos incríveis para pedalar despretensiosamente pela Europa sentindo a mais pura brisa do vento e aproveitando do charme local.

Catalunha, Espanha

catalunha-espanha

Capitulo a parte em qualquer roteiro pela Espanha, a Catalunha esconde belezas que vão muito além das feições marcantes da arquitetura local da capital Barcelona, como a Casa Milá ou o Palau de La Música Catalana. E é no interior da província que elas se escondem.Uma vez na região, abuse da rota do cicloturismo, que além de permitir a descoberta de belas paisagens em Vic, Moiá, Món Sant Bernet, Montserrat, Terrassa e uma Barcelona sob uma nova ótica, percorre um dos caminhos mais antigos e históricos da Europa – o Caminho de Santiago. Todas as rotas incidem em paradas estratégicas, como um fantástico monastério romano em Santa Maria delL’Estany, por exemplo.

Amsterdã, Holanda

amsterdam-holanda

Para os holandeses a bicicleta é muito mais do que um simples meio de transporte, é um estilo de vida. Calcula-se, inclusive, a média de uma bicicleta por habitante. E, diante de todas essas credenciais, a charmosa Amsterdã, não poderia ficar de fora dessa lista. A capital conta com uma vasta e completa malha cicloviária, que oferece toda a infraestrutura necessária para passeios de bikes, como semáforo, estacionamentos e terreno plano. Boas sugestões de passeios, aliás, é o que não faltam. O Museu Van Gogh e o Vondelpark são ótimas dicas, mas nenhuma se compara ao pedalar na beira do Rio Amstel, contemplando os edifícios históricos, como a antiga Câmara Municipal e Arquivo Histórico da cidade de Amstel, que hoje é o lar do luxuoso hotel Pestana Amsterdam Riverside.

Alentejo, Portugal

alentejo-portugal-passeio-bike

Nas terras “além do Rio Tejo”, em Portugal, a planície rural abre um imenso leque de opções para o cicloturismo, que varia desde infindáveis campos pontuados por girassóis, videiras, sobreiros e oliveiras milenares aos maravilhosos monumentos romanos da cidade murada de Évora, como Templo de Diana, a Capela dos Ossos e a Igreja de S. Francisco. Para os apaixonados por vinho, as vinícolas alentejanas também surgem como opção entre um pedalar e outro…

Cliffs of Moher, Irlanda

Cliffs-of-Moher

Quem preferir um cenário um pouco mais rústico e selvagem ao pedalar, as Falésias de Moher (tradução livre), no Condado de Clare, na Irlanda – caminho entre Dublin e Galway -, é uma ótima opção. Com cerca de oito quilômetros de extensão ao longo da costa no Atlântico, esta incrível formação geológica com mais de 200 metros de altura oferece trilhas para ciclistas em diferentes níveis de experiência. No entanto, é preciso ter cuidado. O terreno é escorregadio e há trechos que possuem pouco menos de 40 centímetros de largura. Dica: Ao se aventurar pelo destino, não se esqueça de dar uma passadinha na O’Brien Tower.

Vale do Loire, França

loire-franca

Assim como os holandeses, os franceses também nutrem uma paixão natural pela magrela. E uma simples voltinha de bike pelo país releva o motivo. As estonteantes paisagens locais valem a pedalada e é no Vale do Loire, interior da França, que a coisa ganha forma. As tortuosas estradas, sem grandes elevações e com grandes cartões postais a vista, como os castelos de Chenonceau, Chambord, Amboise e Chinon, atraem mais de 700 mil ciclistas por ano, tornando a região um importante pólocicloturistico da Europa.

Copenhagen, Dinamarca

copenhagem-bike

A capital dinamarquesa é outra grande cidade européia adepta ao transporte sob duas rodas. Estima-se que mais da metade da população realize tarefas rotineiras montados em uma bicicleta. A infraestrutura local também é boa, o que colabora com a prática e estimula o cicloturismo. Há ciclovias, pontos de paradas e locais para locação de bicicletas por toda a parte. Quem se empolgar, pode conhecer Copenhagen inteirinha de bicicleta, passando por Nyhavn, Christiania, Kastellet, Rosenborg, Igreja de Mármore, Torre Redonda e o Palácio Real.

Sicilia, Itália

sicilia-italia

Com cenários dignos de filme, pedalar pela Sicilia propõe experiências inesquecíveis, como andar pelas formações rochosas do Etna, um dos vulcões ativos mais altos do mundo ou se perder pelos encantos de Corleone, cidade natal de Dom Corleone, personagem interpretado por Marlon Brando no clássico o Poderoso Chefão.

Fonte: Interpoint Viagens & Turismo.


Guilherme Cury1610 Posts

30 anos, blogueiro, publicitário e músico. Formado em Propaganda & MKT, é blogueiro há mais de 10 anos. Atualmente trabalha com conteúdo para internet e se aventura no mundo musical.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register