Que tal falar sobre Romantismo?

capa cópia

Não estamos falando de um movimento literário, mas também podemos incluir um movimento literário. Não estamos falando da relação que a natureza tem sobre os sentimentos gerados no âmago do observador, como dizia Rousseau, mas estamos falando também sobre a relação que a natureza tem sobre os sentimentos gerados no âmago do observador.

Por fim, estamos falando de Amor.

Vivemos em um ambiente altamente paradoxal, onde as mulheres querem homens sensíveis, mas que não choram. Querem homem com vitalidade, mas que saiba ouvir seus anseios.

Partimos para um cenário ainda mais complexo quando percebemos que as mulheres desejam homens que saibam satisfazer suas vontades e seu ego, muitas vezes sem nos dizer como, deixando para que nós, que somos toupeiras no quesito sensibilidade, adivinhemos o que fazer, quando ou como fazer.

casal-sofa

Todos sabemos que é muito difícil agradar uma mulher, e tenho certeza que sua parceira já deve ter mostrado para você um vídeo/foto/post/etc, super romântico, super imprevisível, super bacana, e você sai se sentindo um lixo por não conseguir pensar ou fazer aquilo para ela. Relaxa, aconteceu comigo, aconteceu com todos aqui.

Bom, vou ajudar você a começar a entender o que as mulheres, ou uma parte representativa delas, pensa sobre o romantismo, e vai dar pra perceber que não é tão difícil assim, e que não precisa ser tão criativo também, da pra apostar na simplicidade e principalmente na cumplicidade!

Conversamos com mulheres diferentes. De estilos diferentes e gostos diferentes, mas com uma coisa nitidamente em comum, são mulheres e gostam de se surpreender.

1 – TPH: Você gosta de homens românticos?
2 – TPH: O que é romantismo para você?
3 – TPH: Qual o limite do romantismo?

Ana-de-Cesaro

1 – Sim.
2 – É fazer o outro feliz. Em qualquer momento e em qualquer lugar. É se esforçar para que o outro fique feliz.
3 – O limite do romantismo é quando ele invade a privacidade ou personalidade da pessoa. Cada um tem um nível diferente de aceitação de romantismo. Não se pode forçar o outro a receber os atos ditos românticos.

anna-raya

1 – Sim.
2 – É saber nutrir o amor diariamente, com pequenos gestos e gentilezas de ambas as partes.
3 – Quando passa a ser forçado ou artificial, sem química.

brunamendes

1 – Sim.
2 – Na minha opinião, romantismo é tudo aquilo envolva atitudes que demonstram afeto, zelo, cordialidade, e principalmente, comportamentos que visam o bem-estar do companheiro(a). Não é algo que possa se resumir apenas a ganhar flores e chocolates, por exemplo, um tempo de qualidade que você tira para conversar, sem interferências, com seu(sua) companheiro(a) é uma atitude romântica, levando em consideração toda essa correria que vivemos no nosso cotidiano. Abrir a porta também é um ótimo exemplo, é bem notável que essas gentilezas sutis que fazem toda diferença e inspiram cuidado.
3 – O limite do romantismo é quando ele se torna uma justificativa para atitudes que fazem mal ao outro, como exemplo, alguém que proíbe o outro de sair porque está “cuidando da sua segurança”.. é quando o zelo vira uma obsessão que ao invés de zelar, prejudica a outra pessoa que está no relacionamento.
Eu também não sou a maior fã de pessoas muito melosas, demonstrações públicas de afeto o tempo inteiro me deixa meio frustrada, mas isso já é algo ligado a minha personalidade, algumas pessoas adoram (rs).

Deisi-Remus

1 – Sim.
2 – Romantismo é o cara se importar com a menina que está, e por mais que não goste, fazer as vezes, algumas coisas de que as mulheres gostam como por exemplo: mandar flores, surpreender, não ter medo de postar uma foto com a menina nas redes sociais, é em um jantar dar mais atenção pra ela do que pro celular. É elogiar alguma coisa, falar que ama num momento em que ela não espera, essas coisas.
3 –Não sei se romantismo tem limite, acho que todo o dia é dia de fazer alguma coisa para demonstrar o romantismo, porque sem romantismo o relacionamento cai no marasmo e dai fica sem graça. Uma pitada de romantismo todo o dia acho que é a medida certa

Liviasalves

1 – Sim.
2 – Romantismo para mim é a pessoa mandar flores em um dia qualquer, escrever um bilhete de próprio punho só pra dizer que estava com saudades, demonstrar carinho e afeto quando estão juntos. Aquele eu te amo de manha ao acordar e antes de dormir é essencial para mim.
3 – Não sei se existe limite para o romantismo, mas um carro de som para dizer que me ama em frente da minha casa, não sei se seria romantismo ou vergonha alheia.

Moniquemunhoz

1 – Gosto, até certo ponto.
2 – Romantismo é demonstrar nas atitudes do dia a dia. Não adianta falar milhões de coisas fofas e bonitas, e agir de outra maneira.
3 – Pra mim, tudo em excesso é ruim, então não grude! ;p

taty_Ferreira

1 – Sim, moderadamente. É legal quando o cara é romântico em alguns momentos, preparando algo especial um dia ou outro, mas tem homens que confundem romantismo com super proteção e melação 24 horas por dia, isso já não acho legal.
2 – Carinho, dedicação, demonstrações de amor, surpreender, ser companheiro, reservar tempos para fazer programas a dois, ser cuidadoso com a outra pessoa, se desdobrar naqueles momentos que não está muito disposto.
3 – A banalidade, quando essas atitudes se tornam tão recorrentes a ponto de ficarem banais dai já não é romantismo mais.

valentina-piras

1 – Sim. Gosto de pessoas românticas.
2 – Acredito que romantismo está em supervalorizar o amor e a paixão. Não determina necessariamente uma lista de atitudes específicas, porque as atitudes vão variar de acordo com a personalidade e o universo de cada ser humano… A minha visão é que romantismo é o peso que as relações afetivas têm na vida de uma pessoa e a forma com que essa pessoa lida com o(a) parceiro(a), muitas vezes manifestado como uma grande necessidade de demonstrar afeto pela pessoa amada.
3 – O amor próprio.

Seja simples, faça com amor, cuide, de atenção e o romantismo acontece.


Heitor Pampolini

Heitor Pampolini34 Posts

27 anos, empresario e empreendedor. Escreve para compartilhar reflexões que podem contribuir com as vivências das pessoas.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register