Clique para saber mais


Categorias: ComportamentoMulheres

Conto Erótico: O Fruto Proibido [Parte 1]

Ao chegar ao consultório do Doutor Alexandre, Caroline preencheu a ficha de cadastro solicitada pela secretária, uma mulher de meia idade que auxiliava o médico há muitos anos. Dava para perceber a relação de intimidade e confiança entre os dois. Caroline sentou e pegou uma das revistas femininas que estava sobre a mesa de centro para folheá-la. A que escolheu tinha uma maçã mordida na capa. E, neste dia, esta imagem roubou-lhe a curiosidade por abri-la. Enquanto isso, esperava a sua vez de entrar.

– Senhora Caroline, pode entrar. O Doutor está lhe aguardando – disse a fiel secretária.

Caroline pegou a sua bolsa, que estava na poltrona ao lado da que ela havia sentado, e se encaminhou para a porta do consultório. Girou a maçaneta vermelha e deu de cara com um pequeno corredor decorado por quadros nas paredes e por um tapete persa antigo. A luz era fraca e a porta para o consultório do médico estava fechada e ficava ao final do corredor.

Sentiu algo parecido com uma mistura de nervoso e ansiedade pelo o que estava por vir. Doutor Alexandre era um ginecologista e tinha sido indicado por uma conhecida. A única coisa que Caroline sabia era que tal conhecida se consultava com o médico há anos. Sem saber direito ainda o que fazer, Caroline bateu na porta e ouviu a voz dele, grossa e masculina, com certo tom de impaciência:

– Entra – ele disse.

Ela girou a maçaneta e abriu. Com classe, mas sem hesitação. Foi firme ao entrar ali. Pôde ver um ambiente clássico. Iluminado pela luz do fim de tarde que entrava pela pequena varanda, que estava aberta. Pôde ver dois vasos de planta no chão e um pequeno e charmoso jardim suspenso, que cobria toda a parede da lateral da varanda.

– Boa tarde Caroline – disse o médico, que estava sentado na sua mesa de trabalho. – Pode se sentar – ele apontou para uma cadeira que ficava à sua frente.

Ela sentou-se devagar e abriu um sorriso para ele, ainda na tentativa de conseguir relaxar em cena. Alexandre ficou paralisado e encantado com aquela imagem.

– Você pode tirar toda a sua roupa ali – disse o médico, mostrando um charmoso lavabo verde musgo, com parede de pedras brutas e naturais e uma pequena cascata responsável pelo barulho de água caindo no ambiente.

Ela olhou-se no espelho. Ficou descalça depois de tirar as sandálias que calçava. Tirou com cuidado a calça e a blusa. E, por fim, desabotoou seu sutiã e desceu a calcinha de renda que estava vestindo. Um conjunto cor de cereja, que combinava com as suas unhas, grandes e pintadas. De vermelho sangue. Pegou o avental que estava pendurado em um cabideiro no canto do lavabo e vestiu, deixando-o aberto para frente. Deu um laço fraco sobre a sua barriga. Algo bem fácil de abrir com um puxão de leve. Saiu do banheiro e o médico estava de costas para ela, olhando para a paisagem para a qual a varanda do seu consultório dava.

– Estou pronta – ela disse, com um tom de voz baixo e segurando com as duas mãos a frente do avental, ainda cobrindo o seu corpo.

Ele virou e a olhou nos olhos. Olhos verdes. Escuros.

– Pode abrir o avental e deitar nesta cama – ele apontou para a maca que ficava no canto do consultório.

Ela ficou de costas para ele. Desamarrou o avental e subiu na maca. Deixando-o ver o seu corpo se movimentando na subida do degrau e deitando levemente sobre a maca. Ela olhou para cima e afastou as duas partes do avental, ficando à mostra para ele. Ele se aproximou e, antes de tocá-la, viu que ela tinha a marca do biquini no corpo bronzeado, iluminado pela luz do fim de tarde que reluzia na sua pele.

Ela o olhou nos olhos e sentiu, no seu corpo nu, o desejo dele penetrando nela. Reparou que ele usava luvas. Para tocar a sua intimidade.

– Tira – ela falou, olhando para as mãos dele. – Eu tenho alergia ao material das luvas. Me toca sem elas.

Ele olhou para a sua buceta totalmente depilada, aberta, mais branca do que a barriga devido à marca do biquini. E, obedeceu ao comando da sua voz, retirando as luvas…

Continua no próximo conto…

Tudo Para Homens

Um portal sobre tudo que o homem gosta e mais um pouco: Automobilismo, Comportamento, Relacionamento, Entretenimento, Estilo, Gastronomia, Bebida, Mulheres, Tecnologia e muito mais.

Compartilhe
Publicado por
Tudo Para Homens

Novos Posts

  • Mulheres

A sensualidade de Nadya Prikhodko [Vídeo +18]

Dessa vez você vai se apaixonar pela sensualidade e as curvas da bela modelo russa Nadya Prikhodko. Confira!

% dias atrás
  • Comportamento

Por que elas não querem namorar?

Entenda os motivos de algumas mulheres não sentirem vontade de ter um relacionamento sério.

% dias atrás
  • Comportamento
  • Viagem

Slow Travel: Que tal viajar tranquilo e viver as experiências?

Saiba um pouco mais sobre o conceito de "Slow Travel", onde se faz viagens mais tranquilas e cheias de experiências…

% dias atrás
  • Comportamento

Como fazer sexo na praia

Confira algumas dicas de como se preparar para curtir um bom sexo na praia.

% dias atrás
  • Mulheres

Tarde de fotos picantes com Camille Delclos [+18]

Confira o resultado de uma tarde de fotos picantes com a bela Camille Delclos.

% dias atrás
  • Comportamento

5 motivos para caprichar no primeiro beijo com ela

Conheça a importância de caprichar na primeira vez que você for beijá-la.

% dias atrás