Você sabe o que é a Intencionalidade da Consciência?

homem-street-style

Às vezes algumas “coincidências” acontecem sem que saibamos os motivos e acabamos acreditando que é “obra do acaso”. Mas, na verdade, o motivo de alguns acontecimentos que percebemos pode ser fruto da Intencionalidade da consciência. Se você não sabe o que é isso, irei explicar de uma forma resumida e simples, para você entender que tudo o que percebemos tem um motivo.

Podemos dizer que a intencionalidade da consciência é o foco de atenção que você dá para determinado assunto, que antes passavam despercebido por você. Nós não podemos prestar atenção em tudo, geralmente focamos em coisas específicas (coisas do nosso interesse). A intencionalidade da consciência nada mais é do que esse foco que você dá em algumas coisas.

Por exemplo, digamos que você passa todos os dias pela mesma rua… Você acredita que conhece todos os detalhes dessa rua certo? Errado. Na verdade, você conhece muito pouco sobre essa rua. Digamos que alguém pergunte para você se você viu alguma loja nessa rua que venda uma jaqueta de couro, você irá dizer que não viu.

No outro dia, quando passar novamente por essa rua, você vai prestar atenção nas lojas de roupas e irá procurar por jaquetas de couro (seja consciente ou não). Então você irá encontrar algumas jaquetas de couro nessa rua e pensar “nossa, mas como eu nunca vi elas aí antes?”. É porque o seu foco não estava nas jaquetas. Essa é a intencionalidade da consciência.

percepcao

Outro exemplo muito interessante, que acontece com as maiorias das pessoas, está relacionado com a compra de um carro novo. Você já percebeu que quando você compra um carro novo, parece que na rua existem outros milhares de carros iguais ao seu? Logo agora que você comprou, parece que todo mundo comprou um igual, né?

Na verdade, esses carros sempre estiveram andando na rua, na mesma proporção, o que mudou é que agora que você tem um carro novo, esse carro tem um significado para você e todo carro parecido (do mesmo modelo), vai chamar a sua atenção. Não é que eles não estavam aí antes, você é que não estava prestando atenção. Novamente, aí está a intencionalidade da consciência.

Portanto, você passa a perceber tudo que é do seu interesse ou que você tem alguma curiosidade.

Mas afinal, o que isso muda na minha vida?

Ao conhecer essa teoria, muita coisa pode mudar na sua vida, pois ela não se refere somente ao que você percebe, mas também pode influenciar em como você se sente e em como você vivencia os momentos.

Por exemplo, se você acredita que a sua parceira não te dá atenção, você irá procurar pistas de que ela não te dá atenção. Quando ela estiver no celular, você vai pensar “olha ela não me dando atenção de novo”.

O problema é que quando você procura por momentos que ela não está te dando atenção, você não se dá conta dos momentos que ela está te dando atenção. Ou seja, você foca apenas nos aspectos negativos, e esquece de quando ela faz comida para você, ou te pede uma ajuda e te dá muita atenção.

Você percebeu? Quando você foca nas coisas negativas, você vê apenas as coisas negativas. As coisas boas estão lá também, mas você que não está percebendo.

Isso acontece em todos os aspectos de nossa vida, quando nós estamos reclamando de algo, provavelmente a nossa intencionalidade da consciência está voltada apenas para as coisas que nos deixam tristes e nos esquecemos daquilo que nos deixam bem.

Quanto mais nos focamos nos aspectos negativos, pior será para nós, pois não iremos vivenciar as experiências de uma maneira positiva. Por isso, agora que você entendeu um pouco de como funciona a intencionalidade da consciência, porque você não tenta mudar o foco de sua atenção e ter benefícios com isso? Focando-se nas coisas que são mais interessantes para você, que te trazem boas experiências, e esquecendo as coisas negativas.

casal-beijando

Dessa maneira, as coisas se tornaram melhores para você, em todos os aspectos possível, por isso, não foque na falta de atenção, foque em toda atenção que lhe é dada. Não foque na dor, foque na felicidade, não deixe os momentos ruins serem maiores que os felizes. Foque em tudo o que te faz bem.


Leonardo Luchetta504 Posts

É psicólogo e redator de conteúdos. Escreve, reflete e pesquisa sobre os mais variados temas. Não considera a escrita como trabalho, mas uma necessidade da alma.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register