Batemos um papo sobre Futebol e Copa do Mundo com o craque Belletti

Belletti

Essa semana aconteceu a ação global da Heineken, o #ShareTheSofaaqui no Brasil. O “Share The Sofa”, para quem não sabe, nada mais é do que um grande craque de futebol que assume o twitter da @Heineken e comenta as partidas da Champions League, interagindo com usuários que usem a hashtag da ação.

O escolhido para assumir o sofá no Brasil, comentando o jogo da semifinal Chelsea vs. Atlético de Madrid, foi o premiado jogador Belletti.

Aproveitamos a oportunidade para sentar no sofá e conversar um pouco sobre futebol e, principalmente, Copa do Mundo com o craque. Confira a entrevista:

Qual time que você já trabalhou no país que melhor te recebeu e que você mais gostou de fazer parte?

Belletti: Não tem um time só não. rs… Quando você chega com uma contratação, tudo que o time quer, os jogadores e a torcida é te receber bem. Pra você fazer bem a sua função, né? Então nenhum teve mais do que o outro não. Foi tudo igual.

Sobre a estrutura dos clubes do país. Qual seria a principal diferença de um clube brasileiro em relação a um europeu, como por exemplo o Barcelona ou o Chelsea?

Belletti: Alguns clubes do Brasil chegam a ter uma estrutura tão boa quanto a dos estrangeiros, com um bom centro de treinamento e um bom estádio. Como é o caso do São Paulo, Cruzeiro, Atlético Mineiro… Mas eu acho que o grande diferencial é a atmosfera futebolística dos países, com relação ao Brasil. Na Inglaterra, por exemplo, se vive o futebol de uma maneira apaixonante e ao mesmo tempo profissional e ética. No Brasil já não. A gente acaba sentindo falta dos velhos tempos, do estádio cheio, com a preocupação só com a qualidade do espetáculo, sem violência, etc. Então essa diferença acaba pesando um pouco e as pessoas estão deixando de ir ao estádio e até, infelizmente, de ver pela televisão o jogo.

Você acha que a Seleção já está preparada para enfrentar essa grande Copa do Mundo que vem por aí?

Belletti: Acho que a boa Copa das Confedereções dá esperança, né? Talvez o Felipão nem convoque aqueles jogadores que estão no melhor momento da Copa, mas ele consegue montar um grupo de jogadores que se dão bem um com o outro… Um sempre acaba completando o outro! Ele conseguiu ser pentacampeão em 2002 assim. Existiam muitos jogadores que, segundo a opinião pública, deveriam ser convocados, mas ele não convocou. E agora vai ser a mesma coisa. Isso é o grande diferencial.

Ainda sobre a Copa do Mundo. As estruturas ainda estão sendo prontas, a escalação ainda está sendo definida… O que você espera da Copa?

Belletti: Eu acredito na performance da Seleção. Eu acho que o que pode ser ruim é se a Seleção não for bem. É que no futebol o resultado final esconde algumas coisas. Se a Seleção é campeã, todo mundo vai fazer festa, vai estar feliz da vida. Já no caso de uma eliminação da Seleção, vai fazer com que esses problemas fiquem ainda mais em evidência…

Eu ouvi outro dia que na Copa da África, em alguns jogos, havia gente pintando os estádios que foram construídos. Então eu acho que já é algo que a gente podia esperar também no Brasil, não é nenhuma surpresa. Mas estou otimista sim, vou torcer para que o Brasil vença essa Copa.

Você está tranquilo com os atrasos?

Belletti: Não é uma surpresa pra mim esses atrasos, juro. A gente não tem essa fama internacional de “Planejamento”, infelizmente. Principalmente no Futebol! E, como aconteceu na África, no Brasil vai ser igual, apesar dos problemas, vai acontecer a Copa e teremos todos os estádios prontos.

Chelsea ou Atlético de Madrid?

Belletti: Chelsea, é claro! hahaha… Foram 3 anos maravilhosos e inesquecíveis e que eu não troco por nada na minha carreira.


Guilherme Cury1452 Posts

29 anos, blogueiro, publicitário e músico. Formado em Propaganda & MKT, é blogueiro há mais de 10 anos. Atualmente trabalha com conteúdo para internet e se aventura no mundo musical.

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register